Posts recentes

POTENCIAL – COMO DETECTAR?

TALENTimagesCAQICA4U

No ambiente empresarial, avaliar potencial não é tarefa simples, uma vez que o desempenho passado, embora seja uma referência, não garante o sucesso futuro. O potencial tem a ver com o futuro e o desempenho com o passado. As duas coisas podem estar fortemente relacionadas quando o que se espera do profissional é bem parecido com o que ele já vem realizando. Acontece que, como na atualidade o que mais podemos esperar são as mudanças e um futuro incerto, nem sempre temos clareza de quais desafios os profissionais podem esperar. Nesse contexto avaliar potencial significa antever o quão determinado individuo é capaz de crescer e se adaptar às demandas que podem estar pela frente.

 

Algumas pessoas acreditam que o potencial não deve ser considerado de maneira genérica e sim analisado em relação a algo mais especifico, como por exemplo, as competências exigidas para ocupar determinado cargo. Tendo em mente uma determinada posição, é possível realizar uma observação fina das atividades rotineiras realizadas no presente pelo profissional e identificar alguns indícios das competências exigidas na ocupação futura. Além disso, pode-se expor o profissional a desafios que exijam novas habilidades e observar o seu desempenho, comparando com as exigências do cargo. Contudo decidir promoções com base somente nesse tipo de observação pode ser pouco para garantir sucesso. Captar sinais de competências que serão importantes no futuro faz sentido, mas será que só isso sustentará o desempenho ao longo do tempo nesse contexto de situações mutáveis?

 

Segundo Michael M Lombardo e Robert W Eichinger (Human Resource Management. Hoboken: Inverno de 2000. Vol. 39, Número 4; pág. 321) “(…) é aprendendo com a experiência que uma pessoa demonstra aquilo que denominamos alto potencial. Poucos argumentariam que o potencial pode ser detectado a partir do desempenho atual em uma área que a pessoa já conhece bem. A palavra potencial, de acordo com o Webster’s, significa “existente em possibilidade; capaz de se desenvolver efetivamente” portanto não pode ser plenamente detectado a partir do que a pessoa já consegue demonstrar, exigindo que a pessoa faça algo novo ou diferente. Em nossa definição, potencial envolve o aprendizado de novas aptidões (ou aproveitamento das atuais) para que se possa desempenhar em situações inéditas.”

Se a realidade é mutável, a característica que mais pode demonstrar potencial é a capacidade de aprender com a experiência, de forma rápida e alcançando resultados. O profissional que aprende todos os dias, utilizando esse aprendizado de maneira a atingir resultados, terá maior probabilidade de fazer isso no futuro, sejam quais forem as condições externas. Talvez a avaliação da capacidade de adaptação e aprendizado rápido, seja um indicador de potencial mais forte do que a demonstração de outras competências específicas.

Mais uma vez citando Michael M Lombardo e Robert W Eichinger : “À partir dos dados, podemos dizer que as pessoas que têm alta agilidade no aprendizado e, portanto, com alto potencial, são descritas como aquelas que:

  • buscam e têm mais experiências com as quais aprendem;
  • gostam de problemas e desafios complexos e inéditos associados a novas experiências;
  • tiram maior proveito dessas experiências porque têm interesse em delas extrair algum sentido;
  • e têm melhor desempenho porque incorporam novas aptidões a seus repertórios.”

 

Concluindo, o desafio para as áreas de Recursos Humanos e para os gestores é descobrir pessoas que tenham a capacidade de aprender novas habilidades e se adaptar às mudanças, de forma ágil e sempre com foco em resultados.

E você leitor o que pensa sobre isso? Compartilhe conosco sua experiência e/ou opinião sobre o tema!

Abraços e até o próximo post!

Yara Leal de Carvalho

yara@questaodecoaching.com.br

www.questaodecoaching.com.br

https://www.facebook.com/questaodecoaching

 

%d blogueiros gostam disto: